19 de setembro de 2013 às 15:40h

Armando comenta saída do PSB do governo Dilma e lembra seu nome para o governo do Estado

"Nosso nome está à disposição", lembra senador

“Nosso nome está à disposição”, lembra senador

Nesta quinta-feira, em entrevista por telefone a Geraldo Freire, Rádio Jornal (Recife), o senador Armando Monteiro Neto (PTB-PE) fez uma avaliação do impacto da decisão do PSB nacional, comandado pelo governador Eduardo Campos, de deixar o governo Dilma Rousseff, entregando os dois ministérios que ocupa atualmente.

 

 

Enfatizando que o movimento dos socialistas aponta a candidatura do governador Eduardo Campos à Presidência da República e que, a partir de agora, o jogo político começa a ser definido.

 

 

Armando disse ainda que as candidaturas para o governo do Estado não estão definidas, mas que o seu “nome está e sempre esteve à disposição desse conjunto e, evidentemente, nós vamos agora, na perspectiva desse processo”, enfatizou.

Comentários


Você pode reproduzir esta matéria, desde que seja citada a fonte.