9 de setembro de 2015 às 12:25h

Audiência pública investigará alto número de assassinatos entre jovens no país

 
Está prevista para próxima sexta-feira (11) a realização de audiência pública no Recife da CPI que investiga o alto número de assssinato de jovens no Brasil. A audiência será realizada na Assembleia Legislativa (Alepe) na sexta, às 9h e terá a presença do líder do PT na Casa, Humberto Costa, e do governador do Estado, Paulo Câmara.
 
Segundo Humberto é necessário enfrentar de maneira inteligente a violência em Pernambuco, que registra 11 vezes mais mortes de jovens negros do que brancos. “Esperamos que seja um debate frutífero, que surjam ideais e propostas que ajudem a mudar essa realidade e mostrem quais são as causas desse verdadeiro genocídio contra os jovens negros”, afirma.
 
Mais de 42 mil adolescentes entre 12 a 18 anos poderão ser assassinados em seis anos nas cidades brasileiras com mais de 100 mil habitantes. Se a
perspectiva for confirmada, para cada grupo de mil crianças com 12 anos completos em 2012, 3,32 serão vítimas de homicídio antes de chegarem aos 19 anos.
 
A estimativa é do Índice de Homicídios na Adolescência (IHA). O estudo foi divulgado em janeiro deste ano e é resultado de uma parceria entre
Secretaria de Direitos Humanos da Presidência da República (SDH/PR), o Fundo das Nações Unidas para a Infância (Unicef), o Observatório de Favelas e o Laboratório de Análise da Violência da Universidade do Estado do Rio de Janeiro (LAV-UERJ).
 
A audiência pública na Alepe será realizada em caráter interativo, com a possibilidade de participação popular. Por isso, as pessoas que tiverem interesse em participar, com comentários ou perguntas, poderão fazê-lo por meio do Portal e-Cidadania, no endereço www.senado.leg.br/ecidadania, e do Alô Senado, no número: 0800-61 22 11.
 

Comentários


Você pode reproduzir esta matéria, desde que seja citada a fonte.