11 de setembro de 2013 às 16:00h

Celpe libera microgeração de energia elétrica para residências

A fonte de energia pode ser solar ou eólica

A fonte de energia pode ser solar ou eólica

Em Pernambuco, os consumidores de energia elétrica poderão utilizar a microgeração distribuída – modalidade na qual o cliente produz parte da energia que consome. A Companhia Energética de Pernambuco (Celpe) promoveu a ligação do primeiro cliente residencial a aderir ao novo modelo.

 

 

Para viabilizar a microgeração distribuída, o cliente deve possuir uma central geradora de energia elétrica com potência instalada de até 100 kW.

 

 

A energia deverá ser produzida por fontes hidráulica, solar, eólica, biomassa ou cogeração qualificada, conforme regulamentação Aneel, conectada à rede de distribuição por meio de instalações da unidade consumidora. Até o momento, todos os casos recebidos pela Celpe são de geração solar.

 

 

Na prática, o cliente terá a autogeração conectada ao sistema elétrico da Celpe. A energia gerada poderá ser consumida diretamente na unidade consumidora ou ser injetada na rede de distribuição da concessionária e, consequentemente, convertidos em créditos que serão compensados nas faturas subsequentes.

Comentários


Você pode reproduzir esta matéria, desde que seja citada a fonte.