6 de julho de 2016 às 15:21h

Diogo Moraes diz que usou corretamente emendas para shows

O deputado Estadual Diogo Moraes (PSB), afirmou que usou corretamente as emendas parlamentares para o pagamento de shows, conforme determinação da Empetur. Além dele, os deputados Augusto César de Carvalho, Clodoaldo Magalhães, Henrique José Queiroz Costa, João Fernando Coutinho, Júlio Cavalcanti, Maviael Cavalcanti e Sílvio Costa Filho são investigados pelo Ministério Público de Pernambuco (MPPE), por improbidade administrativa.
 
O MPPE solicitou, inclusive, o bloqueio dos bens de Diogo Moraes, Augusto César, Clodoaldo Magalhães, e João Fernando Coutinho, além de empresários.
 
Confira a nota do deputado, na integra:
 
Com relação às notícias referentes ao uso de emendas parlamentares para shows no ano de 2014, gostaríamos de declarar que os procedimentos para o encaminhamento de emendas obedeceram fielmente o que determinava a Empetur. A questão, inclusive, já foi objeto de análise do Tribunal de Contas do Estado, que afastou qualquer irregularidade das ações de nossa autoria. Temos plena confiança nos órgãos de controle envolvidos para solucionar a questão e estamos à disposição das instituições, com o compromisso de fornecer tudo aquilo que nos for solicitado para que o caso seja esclarecido e confirme que não cometemos nenhuma irregularidade bem como nenhum dano ao erário público.
 
Lembre o caso aqui.
 

Comentários


Você pode reproduzir esta matéria, desde que seja citada a fonte.