11 de novembro de 2015 às 10:59h

Dois médicos foram presos na Operação Hipócrates

HRA
 
Foram divulgados os nomes de alguns dos presos pela Polícia Civil de Pernambuco, através da Operação Hipócrates, deflagrada na manhã de hoje (11), entre os presos estão médicos, vereadores e funcionários dos hospitais.
 
Os médicos Pablo Tiago e Bartolomeu Bueno Mota, ambos do setor de ortopedia do Hospital Regional do Agreste, foram levados em condução coercitiva e prisão. Eles também atuam no setor privado. Eles são acusados por vender cirurgias e atuariam em conjunto com funcionários do HRA, terceirizado e pessoas de outras cidades.
 
Também forram presos o vereador de Tacaimbó, Cláudio do Raio X (PSC), um recepcionista conhecido como Almir e a esposa, Maria Aparecida; Severino Ramos dos Santos (Raminho), natural da cidade Altinho e Luiz da Silva Filho, o Foguinho.
 
A Polícia Civil informou que foram cumpridos nove mandados de prisão, dois mandados de condução coercitivos e 16 de busca e apreensão em residências, Clínicas e Consultórios Médicos, inclusive no HRA e no Hospital Memorial em Caruaru.
 
Os suspeitos têm envolvimentos com crimes de corrupção ativa e passiva, tráfico de influência, lesão corporal e organização criminosa. Crimes praticados principalmente em Caruaru.
 

Comentários


Você pode reproduzir esta matéria, desde que seja citada a fonte.