28 de Maio de 2015 às 14:54h

Dois morrem e onze ficam feridos em rebelião na Funase

Uma rebelião aconteceu na Funase em Caruaru (PE), na noite dessa quarta-feira (27). A confusão começou por volta das 18h, na Casa 2 e se espalhou para outras unidades.
 
Dois adolescentes, suspeitos de matar outros dois rapazes em rebelião ocorrida no mês de abril, foram mortos. Onze ficaram feridos e foram atendidos pelo SAMU. Destes, seis foram atendidos na própria Funase e não correm risco de morte. Os outros foram levados para hospitais onde permanecem sob observação médica.
 
Os internos atearam fogo à colchões e objetos que estavam dentro das celas. Em nota, a Fundação confirmou que 11 adolescentes foram feridos durante a rebelião, além das duas mortes.
 
Confira a nota da Funase na íntegra
 
A Funase informa que a Corregedoria da instituição vai abrir uma sindicância para apurar os fatos e responsabilidades da rebelião ocorrida na noite desta quarta-feira (27), no Centro de Atendimento Socioeducativo (Case) de Caruaru, no Agreste. Na ocasião, infelizmente, dois socioeducandos morreram. Outros nove internos ficaram feridos e foram socorridos pelo SAMU e encaminhados para unidades de saúde.
 
A rebelião começou no início da noite e imediatamente policiais militares e o Corpo de Bombeiros foram acionados. Os bombeiros foram acionados para apagarem o fogo dos colchões queimados pelos internos. O tumulto foi controlado por volta das 20h30. As polícias Civil e Científica, além do Instituto de Criminalística (IC), também foram acionados. A sindicância da Corregedoria da Funase será feita paralela às investigações policiais.
 
Os detalhes sobre o que motivou a rebelião serão apurados nas investigações da Polícia Civil e da Corregedoria. A Funase informa, ainda, que os familiares dos adolescentes feridos e mortos terão todo o apoio e suporte necessários tanto sobre informações quanto para o funeral.

 

Comentários


Você pode reproduzir esta matéria, desde que seja citada a fonte.