24 de março de 2014 às 07:07h

Em reunião, PT opta pela “tese do vingador” e decide apoiar Armando para o governo

foto6-624x467
 
Depois de um dia de debates internos, o PT de Pernambuco acaba de aprovar em uma assembleia no Hotel Jangadeiro, em Boa Viagem, descartou a possibilidade de lançar candidatura própria nestas eleições e optou por apoiar a candidatura do senador Armando Monteiro, do PTB-PE, para a disputa majoritária deste ano.
 
No acordo aprovado neste domingo, o PT participa da chapa de Armando Monteiro Neto indicando o candidato a senador. O deputado federal João Paulo tem interesse no cargo e conta com simpatia do senador Humberto Costa, além da cúpula nacional da legenda.
 
O resultado já era esperado, pois havia sido objeto de orientação da Executiva Nacional, a pedido do ex-presidente Lula.
 
Em Pernambuco, a aliança ficou conhecida como tese do vingador, numa referência ao ato de vingar a perda da Prefeitura da Cidade do Recife para os socialistas, nas últimas eleições municipais. Curiosamente, o senador Armando Monteiro Neto, eleito na chapa majoritária quando da reeleição de Eduardo Campos, foi o primeiro a abandonar a gestão petista, ajudando a enfraquecer a gestão do petista João da Costa.
 
Do Blog de Jamildo

Comentários


Você pode reproduzir esta matéria, desde que seja citada a fonte.