11 de Janeiro de 2017 às 09:34h

Governadores pedem leilões de energia renovável


 
Em reunião com o ministro de Minas e Energia, Fernando Filho, os governadores Paulo Câmara (Pernambuco), Camilo Santana (Ceará) e Wellington Dias (Piauí) solicitaram que o governo Federal retome, este ano, os leilões de energia eólica e solar.
 
Os leilões foram suspensos no final do ano passado e representam, de acordo com os governadores, um segmento econômico importante para o Nordeste. “O setor de energia renovável é uma cadeia econômica que se consolida no Nordeste, com parques instalados em diversos Estados, inclusive com expressivos investimentos de fabricantes de equipamentos. Além do aspecto ambiental, estamos gerando emprego e renda em regiões carentes do Brasil”, argumentou Paulo Câmara.
 
Fernando Filho informou que o ministério está trabalhando na revisão do modelo de leilões de energia renovável. De acordo com ele, o modelo trabalhava com um cenário onde a economia brasileira cresceria 4,5% ao ano, porém, o Brasil caminha para o segundo ano de recessão (2015-2016). A nova proposta deve ficar pronta até março de 2017.
 
O setor de energia renovável do Nordeste chegou a representar 50% do consumo de energia da região. No Brasil, o segmento recebeu investimentos da ordem de R$ 70 bilhões, nos últimos seis anos. Cerca de 82% das turbinas instaladas no País estão localizadas no Nordeste.
 
Além dos três governadores, os Estados da Bahia e do Rio Grande do Norte enviaram representantes à reunião no Ministério de Minas e Energia.
 

Comentários


Você pode reproduzir esta matéria, desde que seja citada a fonte.