2 de fevereiro de 2015 às 09:47h

Inscrições para o Cidade das Compras são iniciadas

 
Do Blog do Wagner Gil
 
Devido a grande expectativa dos sulanqueiros, a direção do Cidade das Compras decidiu antecipar desta segunda-feira (2) para a última terça-feira (27), o processo de cadastramento dos interessados em comercializar no local. De acordo com o consultor do empreendimento Jorge Quintino, as inscrições já estão sendo feitas sem prazo determinado para acabar tanto pela internet como em alguns pontos fixos de Caruaru. Para realizá-las basta os comerciantes estarem munidos do RG e CPF. O site a ser acessado corresponde ao: www.cidadedascompras.com.
 
Em Caruaru, os espaços disponíveis estão situados na Casa do Jeans, no bairro do Salgado, bem como no Fábrica da Moda e no Escritório da Sulanca, no Centro. Outros pontos também se encontram à disposição em municípios circunvizinhos. “Os interessados já podem procurar a Prefeitura de Riacho das Almas e alguns empreendimentos de Toritama. O procedimento é bastante simples e leva poucos minutos. Pela internet, primeiro, eles deverão clicar na função a ser desempenhada. São elas: feirante, lojista e outros. Depois é só preencher os dados cadastrais”, explicou Quintino.
 
De acordo ainda com o consultor, após o processo de inscrição, os cadastrados serão convidados para participarem de algumas reuniões. “Por conta da credibilidade dos empresários envolvidos na construção e da transparência pela qual estamos conduzindo todo o processo, o empreendimento já está tendo uma aceitação muito boa por parte dos sulanqueiros da região. Para se ter idéia, teremos de ampliar o número de pontos fixos. Vale ressaltar que quem por ventura não conseguir realizar a inscrição terá o seu nome incluindo numa lista de espera. Isso é claro se for de seu consentimento”, acrescentou Jorge Quintino.
 
Previsto para ter suas obras iniciadas em três meses, o Cidade das Compras ficará localizado às margens da BR-104, mais precisamente entre Caruaru e Riacho das Almas. Dotado de toda infraestrutura necessária para se comercializar e consumir bem, o empreendimento contará com centro comercial com Praça de Alimentação, restaurantes, 15 mil boxes, 200 quiosques e 750 lojas. Em paralelo, ainda comportará oito hotéis, centro de convenções, posto de combustível, estacionamentos, lojas de lavagem de carros, dentre outros serviços.
 
“E o melhor é que os comerciantes não terão de desembolsar quantias altas para se instalarem. Os valores dos alugueis corresponderão a meio salário mínimo e eles só precisão pagá-los apenas quando começarem a trabalhar”, finalizou Quintino. Dúvidas sobre o cadastramento podem ser tiradas através do telefone: 9745-3301.
 

Comentários


Você pode reproduzir esta matéria, desde que seja citada a fonte.