12 de setembro de 2013 às 16:30h

Investimento no programa Água para Todos é destaque

Fernando Bezerra Coelho está à frente do projeto

Fernando Bezerra Coelho está à frente do projeto


 
Os investimentos em sistemas simplificados de abastecimento do Programa Água para Todos foram elogiados, no editorial desta quinta-feira (12), da Folha de Pernambuco. O texto, que reflete a opinião do jornal, avalia que “numa boa hora, o Governo Federal, através do Programa Água Para Todos, vai beneficiar 40 mil famílias de comunidades rurais de baixa renda em 336 cidades do Semiárido brasileiro”. O jornal faz referência ao convênio firmado diretamente entre o Ministério da Integração Nacional e 336 prefeitos, no Palácio do Planalto, em cerimônia que contou com a presença da presidenta da República, Dilma Rousseff, terça-feira (10).
 
O editorial segue elogiando características da solução proposta pelo Ministério da Integração Nacional. “Vale dizer que, além dos sistemas de abastecimento, o Água Para Todos oferece outras tecnologias de instalação simples, como cisternas, pequenas barragens e kits de irrigação. No total, o programa irá investir cerca de R$ 5 bilhões para universalizar o acesso à água para populações residentes em comunidades rurais”.
 
O Programa Água para Todos foi criado, em 2011, portanto, antes do início da severa estiagem que atinge o semiárido brasileiro. O programa já entregou mais de 370 mil cisternas no semiárido. A meta é entregar 750 mil até 2014. O ‘Água para Todos’ é coordenado pelo Ministério da Integração Nacional, e também executado pelos Ministérios do Desenvolvimento Social e Combate à Fome e do Meio Ambiente, pela Fundação Nacional de Saúde (Funasa), pelo Banco do Nordeste (BNB) e pela Fundação Banco do Brasil (FBB).
 
Além de instalar o equipamento nas casas, o governo federal também promove capacitações técnicas para a população sobre o manuseio adequado da água.


Comentários


Você pode reproduzir esta matéria, desde que seja citada a fonte.