15 de agosto de 2014 às 07:10h

Jatinho de Eduardo Campos pode ter colidido com drone em Santos

Do NE10
Com informações de O Estado de SP
 
Diante de diversas teorias sobre as causas do acidente que vitimou o presidenciável Eduardo Campos, nessa quarta-feira (13), em Santos, São Paulo, a última possibilidade levantada em matéria do Estado de São Paulo, nesta quinta-feira (14), é a de que o jatinho teria se chocado com um drone.
 
Segundo informações, o piloto teria recebido um alerta por parte da Aeronáutica sobre o tráfego de drones na área. O jornal paulista teve acesso a documento comprovando que no período de 11 e 13 de agosto havia uma área de voo de um veículo não tripulado (ou Vant) nas proximidades da base aérea de Santos.
 
Confira documento abaixo:
 
drone
 
Especialistas consultados falaram que a distância geográfica da área dos veículos não tripulados é grande em relação à base aérea. Porém, eles não descartam a hipótese de que o drone tenha se deslocado e colidido com o jatinho.
 
Eles também fizeram um alerta para as pessoas que encontrarem alguma peça do acidente que devolvam as autoridades que estão periciando o caso.
 
ACIDENTE – O jato Cessna 560XL, prefixo PR-AFA, decolou com Eduardo Campos e comitiva às 9h23 dessa quarta-feira (13) do Aeroporto Santos Dumont, no Rio de Janeiro, com destino ao Aeroporto de Guarujá, São Paulo. Quando se preparava para o pouso, o avião arremeteu por causa do mau tempo. Em seguida, o controle de tráfego aéreo perdeu contato com a aeronave. O jatinho caiu por volta das 10h em residências na altura do número 50 da Rua Vahia de Abreu, na esquina com a Rua Alexandre Herculano, no bairro do Boqueirão.
 
mapaquedaeduardocampos
 

Comentários


Você pode reproduzir esta matéria, desde que seja citada a fonte.