5 de fevereiro de 2014 às 08:53h

Marcelo Gomes pede municipalização do Procon

Nesta terça-feira (04), o vereador Marcelo Gomes (PSB), apresentou três requerimentos à Mesa Diretora durante a primeira reunião ordinária de 2014, na Câmara Municipal de Caruaru (PE).
 
Em dois dos requerimentos o parlamentar solicitou Votos de Aplausos, sendo para o Santa Cruz Futebol Clube em comemoração ao seu centenário, que aconteceu no dia 03 de fevereiro de 2014. E para o programa do governo Federal “CrediAmigo”, extensivo ao Banco do Nordeste (BNB) e Prefeitura Municipal de Caruaru, que juntos concederam empréstimos para que os empreendedores proporcionem maior qualificação e expansão de suas atividades, sejam no comércio, na prestação de serviços ou indústria.
 
Marcelo Gomes falou sobre o período de recesso parlamentar, mostrando alguns dos trabalhos realizados no período. “Nosso mandato não parou, estive com a minha equipe em várias localidades do município, tanto na cidade como na zona rural, conversando com as pessoas. Encaminhamos algumas soluções em alguns lugares, estivemos em Jacaré Grande conversando com as mães de alunos daquela comunidade, conseguimos dar encaminhamento as solicitações por transporte escolar”, lembrou Marcelo.
 
O socialista lembrou ainda as reivindicações dos moradores do Sítio Cipó, que terão uma unidade de saúde e escola para as crianças. “É verdade que existem problemas como calçamento e saneamento, mas a comunidade elegeu como prioridade saúde e educação”, disse o vereador lembrando que esteve com o secretário de Educação, Welson Costa, na localidade em busca de melhorias para a população.
 
Marcelo solicitou ainda a municipalização do Programa de Orientação e Proteção ao Consumidor (Procon) de Caruaru, que entre o período de 01 de janeiro de 2013 e 31 de dezembro de 2013, teve um total de 9.502 atendimentos, com 95% de resolução dos casos, tornando-se um exemplo para toda a rede do Procon do país.
 
Atualmente o órgão é vinculado ao governo do Estado, porém é mantido, em sua maior parte, com recursos da Prefeitura de Caruaru. Para Marcelo, a municipalização trará maior autonomia para o órgão.
 
“Para que o Procon tenha maior desempenho e autonomia é necessária sua municipalização, assim poderá atender o número maior de pessoas e melhorar sua estrutura, a princípio sem custo algum para o município, pois as multas que são geradas pelo não cumprimento dos acordos feitos em conciliação na sede do Procon-Caruaru, têm um valor bastante razoável e como também estaria trazendo mais respaldo e olhares para nossa cidade na seara da relação de consumo”, finalizou o vereador.
 

Comentários


Você pode reproduzir esta matéria, desde que seja citada a fonte.