16 de dezembro de 2014 às 23:31h

“O coronel que venha a esta Casa”, diz Jajá sobre convite da Destra

Jajá disse que foi convidado pela Destra para esclarecer acusações

Jajá foi convidado pela Destra para esclarecer acusações


 
Na noite desta terça-feira (16), o vereador Jajá (sem partido), foi um dos únicos a usar a tribuna da Câmara Municipal para discursar. O vereador informou que foi convidado, através de ofício, para comparecer a Autarquia Municipal de Defesa Social, Trânsito e Transportes (Destra) e prestar esclarecimentos sobre as denúncias realizadas na ultima semana.
 
Aproveitando a presença do coronel Jailson Pacheco, gestor da Autarquia, o vereador foi enfático. “Recebi um ofício da Destra para comparecer a autarquia, mas me sentiria constrangido em estar sozinho lá. Por isso convido o presidente coronel Jailson Pacheco para vir a esta Casa”, disse Jajá.
 
O parlamentar falou ainda que a Destra está sendo palco de desvios de recursos e que há um processo para “ocultação de provas”. Além disso, há uma crescente reclamação na cidade sobre multas fantasmas. “Centenas de pessoas estão me ligando. Pessoas dizendo que foram multadas com o carro na garagem. Foram multadas em um local em que o carro não estava, várias vezes em um minuto”, afirmou Jajá.
 

Comentários


Você pode reproduzir esta matéria, desde que seja citada a fonte.