12 de novembro de 2015 às 08:39h

Operação-Pipa: abastecimento de água será iniciado nas comunidades rurais

A falta de água nas comunidades rurais de Caruaru foi o motivo para que desde o primeiro semestre, a Prefeitura de Caruaru, Comando Militar do Nordeste e Compesa discutam estratégias para minimizar os efeitos da seca. A Operação-Pipa foi uma das medidas adotadas.
 
Equipes do Exército e da Defesa Civil realizaram visita in loco, entrevistas, fotografias e marcação de pontos com GPS e submeteram relatório ao Governo do Estado e ao Ministério da Integração Social solicitando projetos e recursos para o município. Em seguida, foi feito o cadastramento das cisternas comunitárias que atenderam aos critérios e serão beneficiadas com o abastecimento de água. Antes do cadastro, os depósitos receberam avaliações para verificar a necessidade de reforma ou manutenção.
 
Após o trabalho de campo, 50 localidades distribuídas nos quatro distritos foram apontadas como ideais para receber o liquido e serão contempladas com água limpa e tratada, pronta para o consumo.Mensalmente, cada pessoa receberá 600 litros, o que representa um consumo diário de 20 litros. A distribuição será administrada pela liderança da localidade.
 
O trabalho foi concluído e agora chega a vez da última e mais importante etapa: o abastecimento dessas cisternas. “Salientamos que a água que vai preencher as os reservatórios é destinada para beber e cozinhar. Aquelas pessoas que criam animais ou plantam devem utilizar outra água”, explicou o Capitão Juliano, do Exército.
 

Comentários


Você pode reproduzir esta matéria, desde que seja citada a fonte.