9 de agosto de 2017 às 10:25h

Oposição cobra ação de Paulo Câmara em defesa da Hemobrás

O governador Paulo Câmara está sendo pressionado pela Oposição para que se posicione contra a transferência da produção do fator VIII recombinante da Empresa Brasileira de Hemoderivados (Hemobrás), em Goiana (PE), para o Paraná.
 
“Pela importância da planta da Hemobrás para o Estado e para o desenvolvimento da Zona da Mata Norte, o governador deveria estar liderando uma ampla mobilização para manter a produção do fator VIII em Goiana. Mas nós não vemos uma palavra, um posicionamento ou uma única cobrança do governador Paulo Câmara, o que demonstra sua falta de liderança e de articulação política”, criticou o deputado Silvio Costa Filho (PRB), líder da Bancada de Oposição na Assembleia Legislativa de Pernambuco (Alepe).
 

Já foram investidos cerca de R$ 1 bilhão na planta do empreendimento, que contou também com contrapartidas do governo de Pernambuco. Quando concluída, a previsão é que a Hemobrás gere 390 empregos diretos e outros 800 vagas indiretas em Pernambuco.
 
“Nós temos que garantir que o polo de Goiana se consolide com a fabricação de produtos de última geração e que estejam na fronteira tecnológica. Se assim não for, estaremos condenando essa planta a ter um papel extremamente irrelevante do ponto de vista de hemoderivados”, afirmou o senador Armando Monteiro Neto.
 

Comentários


Você pode reproduzir esta matéria, desde que seja citada a fonte.