30 de setembro de 2013 às 08:24h

Para Eduardo, avanços dos governos petistas não são o suficiente para o Brasil

Eduardo é virtual candidato a presidente

Eduardo é virtual candidato a presidente


 
Em discurso na manhã de sábado (18), o governador Eduardo Campos afirmou que os avanços ocorridos no País nos últimos anos não foram o suficiente para realizar as transformações que o povo brasileiro gostaria. “Nós sabemos que dá para fazer mais. Pernambuco viu”, afirmou, se referindo a própria gestão no governo estadual. Para o socialista, que é virtual candidato a Presidência da República em 2014, o Brasil quer uma mudança para melhor.
 
De acordo com o governador, o PSB saiu do governo Dilma pela porta da frente, com a cabeça erguida. “[Saímos] para construir um debate necessário, que faltou em 2010, sobre o futuro da nação”, afirmou.
 
Curiosamente, naquele ano, quando o ex-ministro Ciro Gomes (que deixou o partido nesta semana), quis disputar a Presidência, foi Eduardo quem articulou o apoio a presidente Dilma Rousseff (PT). Se for mesmo candidato a presidente, o governador de Pernambuco pode ter que enfrentar a petista em 2014.
 
Do Blog de Jamildo

Comentários


Você pode reproduzir esta matéria, desde que seja citada a fonte.