23 de novembro de 2015 às 17:14h

Pedro Corrêa cumprirá pena em regime fechado

pedro-correa-lava-jato
 
O ex-deputado federal Pedro Corrêa (PP-PE) cumprirá a pena –pela condenação na Ação Penal 470, o processo do mensalão – em regime fechado. A determinação é do ministro Luís Roberto Barroso, do Supremo Tribunal Federal (STF), e foi publicada nesta segunda-feira (23).
 
O ministro atendeu ao pedido feito pelo procurador-geral da República, Rodrigo Janot, para que o ex-deputado passe a cumprir pena em regime fechado, por voltar a cometer crimes após a condenação. Antes de ser preso na Lava Jato, Corrêa cumpria pena de sete anos e dois meses em regime semiaberto, definida no julgamento do mensalão, em 2013.
 
O ex-parlamentar está preso preventivamente desde abril em função das investigações da Operação Lava Jato. No mês passado, ele foi condenado pelo juiz federal Sérgio Moro, da 13ª Vara Federal em Curitiba, a 20 anos e sete meses de prisão por corrupção e lavagem de dinheiro, crimes investigados na Lava Jato.
 

Comentários


Você pode reproduzir esta matéria, desde que seja citada a fonte.