13 de janeiro de 2015 às 17:15h

PPS expulsa nove filiados com mandatos em Pernambuco

 
Nove membros do Partido Popular Socialista em Pernambuco (PPS-PE) foram expulsos pela direção da legenda. A decisão afeta detentores de mandato que não apoiaram candidatos a deputados estaduais e federal do partido nas eleições de 2014.
 
Os expulsos foram notificados pela Comissão de Ética da sigla para prestarem esclarecimentos e apresentarem suas defesas, mas não se deram ao trabalho de responder. Outros 10 membros também foram denunciados por infidelidade partidária,entretanto apresentaram defesa e aguardam a decisão do Conselho de Ética.
 
De acordo com o partido, o vereador de Itamaracá, George Baía, também deverá ser convocado, entretanto, a carta de convocação voltou duas vezes e a direção irá providenciar a entrega pessoalmente.
 
Confira os que foram expulsos e os que estão sob análise:
 
EXPULSOS
 
1. Vereador Ivo Severino da Silva (Cortês)

2. Vereador Fábio Lessa (Cupira)

3. Vice-prefeito Rinaldo Sampaio Novaes (Floresta)

4. Vereador Geraldo Germano (Ibimirim)

5. Vereador Itamar (Ribeirão)

6. Vereador Ray (São José da Coroa Grande)

7. Vereador Toinho Almeida (Sertânia)

8. Vereador Helbe (Trindade)

9. José Augusto da Silva (Vicência)

 
EM ANÁLISE
 
1. Vereadora Antonieta da Caixa (Afogados da Ingazeira)

2. Vereador Ademir Bento (Cortês)

3. Vereador Hilário (Ipojuca)

4. Vereador Roque João (Itaquitinga)

5. Vereador Adeildo da Igreja (Jaboatão)

6. Vereador Nado do Caminhão (Jaboatão)

7. Vice-prefeita Janielma (Petrolândia)

8. Vereador Dona Santa (Petrolândia)

9. Vereador Geandro de Geni (Santa Filomena)

10. Vereador Déo do Abreu (São José da Coroa Grande)
 

Comentários


Você pode reproduzir esta matéria, desde que seja citada a fonte.