29 de abril de 2014 às 09:05h

Prefeitura quer mudar local do desfile das Drilhas. Ministério Público mostra-se favorável

_MG_8063
 
A promotora Gilka Miranda mostrou-se favorável a uma possível mudança do espaço onde é realizado, todos os anos, os desfiles das Drilhas, em Caruaru. “Acho que é plausível a solicitação da Prefeitura, por conta das obras que estão sendo realizadas no local”, disse em entrevista à TV Jornal. A proposta de alteração foi apresentada pela Prefeitura da cidade.
 
O tema foi mediado pelos promotores Gilka Miranda e Paulo Augusto. A sugestão da Prefeitura é que o desfile seja realizado em outras vias alternativas, a exemplo da Visconde de Inhaúma e Rui Barbosa. O principal argumento é a questão da mobilidade, já que a Agamenon Magalhães é o principal corredor da cidade. “Várias ruas são fechadas durante o percurso do desfile. Isso prejudica o lojista dessas avenidas e os turistas que encontram dificuldade para se locomover, já que muitos são atraídos por um shopping center que se encontra no meio do percurso. Nós não podemos fazer o desfile na Agamenon. O prejuízo será enorme para todos”, pontuou o presidente da Destra, coronel Carlos Silva.
 
Além disso, a Avenida está passando por obras de requalificação com a instalação de nova iluminação, equipamentos de acessibilidade e novo paisagismo. A obra, orçada em R$ 3 milhões, deve ficar pronta no próximo mês.
 
Como ficaram impasses com os organizadores do desfile, quanto ao dia do desfile e ao local, uma nova reunião foi marcada para a próxima terça-feira, 06, a partir das 14h, no Ministério Publico, para definir essa situação.
 

Comentários


Você pode reproduzir esta matéria, desde que seja citada a fonte.