20 de janeiro de 2014 às 08:25h

Reunião Extraordinária acontece na Câmara em Caruaru. Com os suplentes ou com os vereadores que estavam afastados?

Câmara-Municipal-de-CaruaruLeonardo Chaves, que preside a Câmara de Caruaru, tem apenas uma resposta para duas perguntas: Sim, a reunião extraordinária que vai discutir a anulação da votação do BRT, além de questões ligadas aos servidores da Casa, deve acontecer nesta terça-feira (21).
 
E sobre a participação dos vereadores que haviam sido afastados do cargo, acusados de corrupção e que agora, por força da justiça, devem retornar à Casa a resposta também é sim. Eles devem votar, inclusive.
 
A ironia da situação é que foi por causa da votação do BRT que os 10 vereadores foram presos. São acusados de pedir dinheiro para aprovar o projeto do executivo. Pela falta de transparência, o Ministério Público mandou anular tudo. Quem vai dar a palavra final são os próprios acusados.
 

Comentários


Você pode reproduzir esta matéria, desde que seja citada a fonte.