17 de setembro de 2015 às 11:48h

Senador conversa com Infraero sobre hub da TAM

O senador Douglas Cintra (PTB-PE) defende hoje (17/09) junto à diretoria da TAM, na reunião em São Paulo com o governador Paulo Câmara
para apresentação do estudo dos impactos no Recife do hub da Latam, que o Aeroporto dos Guararapes é a alternativa mais rentável e de execução no
curto prazo entre as opções de Natal e Fortaleza. Cintra vai basear sua argumentação em dados que lhe foram apresentados nessa quarta-feira (16) pelo diretor Comercial e de Logística de Carga da Infraero, André Marques de Barros.
 
Cintra dirá à presidente da TAM, Claudia Sender, com base em informes da audiência dessa quarta (16) na Infraero, que, se optar por Guararapes, a
TAM tem condições de iniciar as obras do hub imediatamente, ao contrário do aeroporto de Fortaleza, para o qual terá de esperar o vencedor da
privatização, prevista para ocorrer em abril, e de Natal, onde os custos da instalação do hub deverão ser mais elevados. O diretor Comercial da
Infraero também participará da reunião da diretoria da TAM com as autoridades e parlamentares pernambucanos, por ser a estatal a operadora do aeroporto.
 
A reunião está marcada para acontecer nesta quinta-feira (17) entre 13h e 14h30 na sede da TAM, foi marcada pela empresa para apresentar o estudo da consultoria inglesa Oxford Economics com os impactos econômicos do hub em Pernambuco. O levantamento, intitulado Estimulando um Novo Valor
Econômico, oferece uma visão consistente a respeito do valor e das oportunidades que serão trazidas pelo hub.
 
Estão confirmados para o encontro, além do governador Paulo Câmara e do senador Douglas Cintra, o senador Humberto Costa (PT-PE), o prefeito do
Recife, Geraldo Júlio, os deputados federais Fernando Monteiro (PP) e Luciana Santos (PCdoB) e o deputado estadual Aluisio Lessa (PSB). Participam ainda os secretários de Desenvolvimento Econômico, Tiago Norões; da Fazenda, Márcio Morais, e do Turismo, Felipe Carreras.
 
A TAM fará também nesta quinta (17) reuniões em separado com os governadores do Rio Grande do Norte, Robinson Farias, e do Ceará, Camilo
Santana, e parlamentares dos outros dois estados candidatos ao hub da Latam. O projeto da central de distribuição de voos prevê investimentos da
ordem de US$ 1 bilhão e geração de 10 mil novos empregos.
 

Comentários


Você pode reproduzir esta matéria, desde que seja citada a fonte.